segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

domingo, 3 de dezembro de 2017

Porque queramos vernos


[Guilty pleasure de domingo.]

Tempo frio em dezembro? Nunca se viu tal coisa!

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou hoje vários distritos em aviso amarelo por causa do “tempo frio”. Tempo frio? Meus senhores, estamos em dezembro, quase no inverno, queriam o quê, tempo de praia? Ó pá, a sério, não há pachorra! 

sábado, 2 de dezembro de 2017

Nocturno


[Cada sonho morre às mãos doutro sonho.]

Eugénio de Andrade

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

terça-feira, 28 de novembro de 2017

Prioridades

Eu - Quem é que já sabe apertar os cordões dos sapatos?
Resposta de um aluno meu do 1.º ano - Isso eu não sei, professora, mas sei fazer bolas grandes com a chicla.

domingo, 26 de novembro de 2017

10 anos

Dez anos de blogue. São muitos anos a blogar, a postar e a disparatar sobre tudo e sobre nada. Dez anos de vida (da minha vida!) onde me revejo em cada texto, em cada poema, em cada música. Cada um deles, é um pedaço de mim, das minhas vivências, neuras, sonhos, revoltas e anseios. Dez anos de vida feitos de risos e de lágrimas. Dez anos feitos desta necessidade urgente (quase incontrolável) de dizer isto que sinto, que me consome, que me vai na alma. Dez anos que passaram num ápice e que recordo com imensa saudade!

Traveling Light


...
Goodnight goodnight
My fallen star
I guess you’re right
You always are
...

sábado, 25 de novembro de 2017

As palavras

Há palavras que iluminam. Outras, são escuras como breu.

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Dia Universal dos Direitos da Criança



Nunca é demais lembrar...
  • Todas as crianças têm o direito à vida e à liberdade.
  • Todas as crianças devem ser protegidas da violência doméstica, do tráfico humano e do trabalho infantil.
  • Todas as crianças são iguais e têm os mesmos direitos, não importando a sua cor, raça, sexo, religião, origem social ou nacionalidade.
  • Todas as crianças devem ser protegidas pela família e pela sociedade.
  • Todas as crianças têm direito a um nome e a uma nacionalidade.
  • Todas as crianças têm direito a alimentação, habitação, recreação e atendimento médico.
  • As crianças portadoras de deficiências, físicas ou mentais, têm o direito à educação e aos cuidados especiais.
  • Todas as crianças têm direito ao amor, à segurança e à compreensão dos pais e da sociedade.
  • Todas as crianças têm direito à educação.
  • Todas as crianças tem direito de não serem violadas verbalmente ou serem agredidas por pais, avós, parentes, ou mesmo a sociedade.

Perfect



[It's beginning to look a lot like Christmas...]

Lugares da Infância

Lugares da infância onde
sem palavras e sem memória
alguém, talvez eu, brincou
já lá não estão nem lá estou.
(...)
Manuel António Pina

sábado, 18 de novembro de 2017

Evocação

Recordar(-te) é evocar a ternura de um tempo que não volta.

A vida é feita de palavras interrompidas


"A vida é feita principalmente das palavras interrompidas, daquelas que ficaram por dizer, ou ainda daquelas que a gente nunca soube como escrever."

Carlos Eduardo Leal

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Weight Of Your World


💜

O outono é outra primavera




"Outono é outra primavera, cada folha uma flor."

Albert Camus

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

domingo, 12 de novembro de 2017

É preciso o silêncio

É preciso o silêncio.
É preciso que uma árvore
de braços e dedos
irrompa no silêncio
e brote palavras como folhas.

É preciso que o silêncio
traga as nuvens
e nelas música floresça.

É preciso um silêncio de palavras,
um silêncio nas searas
e um silêncio de rumorosas águas.

Lília Tavares

Doem-me as fotografias

Por trás de cada fotografia, há sentimentos e recordações. Por isso elas doem fundo na alma, porque estão coladas a um passado em que acreditávamos que as pessoas e os lugares duravam para sempre.

sábado, 11 de novembro de 2017

Integridade

Ser íntegro e verdadeiro em tudo o que somos e fazemos. Sempre!

domingo, 5 de novembro de 2017

Dia Mundial do Cinema

No Dia Mundial do Cinema, não posso deixar de recordar alguns dos filmes da minha vida como "Cinema Paraíso", "O Carteiro de Pablo Neruda", "Era uma vez na América", "E.T.", "Os Amigos de Alex", " A Escolha de Sofia", " Babel", "Gran Torino", "Million Dollar Baby", "Moulin Rouge"... e tantos, tantos outros! Que a magia do cinema continue a emocionar e, sobretudo, a fazer-nos sonhar!

sábado, 4 de novembro de 2017

Recado

Nem sempre os que estão por perto (nos) fazem melhor companhia.

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Melodia de silêncio

[que mais ninguém ouve senão eu]


quarta-feira, 1 de novembro de 2017

[Hoje acordei com a dor das árvores]

Hoje acordei com a dor das árvores;
estou de pé e o meu tronco sustém
o vazio e a solidão dos ramos

côncavos de espera,
impacientes de ternura.
...

Lília Tavares

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Trevo (Tu)


Pra dar sorte...

domingo, 29 de outubro de 2017

[Somos do tamanho dos nossos sonhos]

...
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não, do tamanho da minha altura...

Alberto Caeiro

Alfonsina y El Mar


sábado, 28 de outubro de 2017

Perdida no tempo e na saudade

Hoje, sinto-me perdida no tempo e na saudade. Perdida nas recordações coladas às fotografias. Perdida nos sentimentos por trás da música que toca na rádio. Perdida nos sonhos que nunca passarão de sonhos. Perdida nesta tentação de me procurar, de me encontrar...

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Fix You


When you try your best but you don't succeed
When you get what you want but not what you need
When you feel so tired but you can't sleep
Stuck in reverse

When the tears come streaming down your face
When you lose something you can't replace
When you love someone but it goes to waste
Could it be worse?

Lights will guide you home
And ignite your bones
And I will try to fix you
...

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Excelente apresentação

Foi, de facto, um privilégio assistir, hoje, na Livraria Centésima Página, em Braga, à sessão de apresentação do primeiro romance (ou será não romance?) de Luís Osório, "A Queda de Um Homem", pelo escritor Mário Cláudio. Uma honra, mesmo! Parabéns aos dois!

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

domingo, 22 de outubro de 2017

Espigas


El trigal se ha entregado a la muerte.
Ya las hoces cortan las espigas.
Cabecean los chopos hablando
con el alma sutil de la brisa.

El trigal sólo quiere silencio.
Se cuajó con el sol, y suspira
por el amplio elemento en que moran
los ensueños despiertos. El día.
ya maduro de luz y sonido,
por los montes azules declina.
...

Federico García Lorca

sábado, 21 de outubro de 2017

[O tempo soberano e herói do próprio tempo]

...
Não há horas na casa velha da infância perdida.
Há memórias.
...

Margarida Vieira

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

A modern dating horror story


Tão real que é assustador...

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Eterno é o momento em que estive

...
O tempo não se perde, nem se vence.
Cada qual vive apenas o que vive,
e nenhum outro instante lhe pertence.

José Pedro Moreira

Lullaby


Pra (me) embalar a noite.

domingo, 15 de outubro de 2017

Dia horrível.


O Inferno parece não ter fim...

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Havana oh na na!


Música viciante...

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Como chegamos aqui?

Como é possível alguém acabar de perder um familiar (mãe, pai, avó...) e o primeiro impulso seja correr para o Facebook anunciar a morte do ente querido??? A sério, não consigo entender!

terça-feira, 10 de outubro de 2017

💖


Lindo!

Outono

O outono 
por assim dizer
pois era verão
forrado de agulhas
...
Eugénio de Andrade

domingo, 8 de outubro de 2017

Really?...



Um silêncio perfeito


E encontramos um silêncio imenso,
Um silêncio perfeito que nos esperava desde sempre,

Sophia de Mello Breyner Andresen

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

terça-feira, 3 de outubro de 2017

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Tatanka|Alfaiate


[Eu fui noutra vida um pedaço de ti.]

domingo, 1 de outubro de 2017

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Embalo

[...]
Fazer da palavra um embalo
é o mais puro e apurado
senso da poesia.

Mia Couto

sábado, 23 de setembro de 2017

O idioma das aves

Não há adeus
no idioma das aves.
 
Mia Couto

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

A Insatisfação (nunca me abondona).


...
Quase nada
[experimento o céu de negro que há de norte a sul]
nunca me conforma
[prometo-me a mim mesma mais de céu azul]
a insatisfação
[temo que haja pouco pra me contentar]
nunca me abandona
[mas nada me impede de tentar]
...

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

O inalcançável é sempre azul


«Para vermos o azul, olhamos para o céu. A Terra é azul para quem a olha do céu. Azul será uma cor em si, ou uma questão de distância? Ou uma questão de grande nostalgia? O inalcançável é sempre azul.»

Clarice Lispector

domingo, 17 de setembro de 2017

Setembro

Para mim, setembro, é nostalgia. É um acumular de lembranças e uma vontade imensa de as reviver. É perder-me no tempo e na saudade. É sentir que há memórias e momentos que não voltam mais.

sábado, 16 de setembro de 2017

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

😫

É como se as férias já fizessem parte de um passado longínquo...

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Wherever I Go


Love this song...

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Marcas

[...]
A marca faz parte dos livros.
Estão marcados. Nós também.

Pedro Mexia

domingo, 10 de setembro de 2017

Deambular no silêncio...

[...]
Gosto do silêncio que pulsa nas veias...
Aquele sem tempo, nem espaço
Aquele que vive em mim, e me faz deambular...

Cecília Vilas Boas

Into My Arms


[Into my arms, O Lord...]

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Tarde


O que eu queria dizer-te nesta tarde
Nada tem de comum com as gaivotas.

Sophia de Mello Breyner Andresen

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Lullaby Love


[Embalo para o meu dia.]

domingo, 3 de setembro de 2017

Aos domingos as ruas estão desertas

Aos domingos as ruas estão desertas
e parecem mais largas.
Ausentaram-se os homens à procura

de outros novos cansaços que os descansem.

António Gedeão

sábado, 2 de setembro de 2017

Renascer

Breves são os espaços
em que não sinto
tudo o que faz sentido
em meu viver
e nesses raros momentos
sei que minto
porque é neles
que aprendo a renascer.

José Gabriel Duarte

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

P'ró ano há mais...

[Hora de começar a procurar os feriados no calendário:-]

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

A tirania do politicamente correto

A tirania do politicamente correto está a assumir contornos absolutamente ridículos e perigosos. Tudo o que dizemos ou fazemos, é escalpado ao pormenor e suscetível de ferir sensibilidades. Por este andar, a patrulha do politicamente correto, é que vai decidir os livros que devemos ler, os filmes que podemos ver, a música que podemos ouvir,  a cor da roupa que podemos vestir, os brinquedos que podemos oferecer aos meninos e às meninas... Acho inaceitável esta política totalitária que se acha dona da verdade e que não é capaz de aceitar/tolerar opiniões diferentes. Quer queiram quer não, a isso chama-se censura e desse veneno não queremos voltar a provar.

terça-feira, 29 de agosto de 2017

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Fui p'ra fora cá dentro (e foi tão bom:-)

Aveiro

Lisboa

Lisboa

Lourinhã

Nazaré

Peniche

Porto

S. Martinho do Porto/Foz do Arelho

Óbidos

Porto, Aveiro, Nazaré, S. Martinho do Porto, Foz do Arelho, Caldas da Rainha, Óbidos, Peniche, Lourinhã, Lisboa... Tanto para (re)ver, apreciar, saborear, recordar... 
O nosso país é lindo!

Sem comentários.

Com é possível que, estando o país quase todo em seca severa e com alguns incêndios ainda ativos, a chegada da chuva seja apelidada de "mau tempo"?!!!

domingo, 27 de agosto de 2017

Um Homem só no Segredo

Um homem só no segredo
sabe um segredo profundo:
nunca está só nem tem medo
quem ama os homens e o mundo.

Carlos Aboim Inglez

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

As viagens são como as pessoas


«As viagens são como as pessoas, não há duas iguais.»
                                                              
John Steinbeck

sábado, 12 de agosto de 2017

😊👏

Sto arrivando...

sábado, 5 de agosto de 2017

Regresso a ti

Regresso sempre a ti, sempre que te penso
regresso ao lugar dos abraços inocentes
regresso ao calor das tardes de verão

e se por acaso não te encontrar
haverei sempre de te ler no coração da poesia.
...

São Gonçalves

terça-feira, 1 de agosto de 2017

💜


Quando te der saudade de mim
Quando tua garganta apertar
Basta dar um suspiro
Que eu vou ligeiro
Te consolar
...

segunda-feira, 31 de julho de 2017

O rio da minha aldeia

O Tejo é mais belo que o rio que corre pela minha aldeia,
Mas o Tejo não é mais belo que o rio que corre pela minha aldeia
Porque o Tejo não é o rio que corre pela minha aldeia.
...
O rio da minha aldeia não faz pensar em nada.
Quem está ao pé dele está só ao pé dele.


Alberto Caeiro

sábado, 29 de julho de 2017

A Correr, a vida passa.



Corre a gente decidida
Pra ter a vida que quer
Sem repararmos que a vida
Passa por nós a correr
Às vezes até esquecemos
Nessa louca correria
Por que motivo corremos
E para onde se corria

...

sexta-feira, 28 de julho de 2017

O passado fica, nós passamos

...
É isso o passado: o sentimento por trás da imagem,
a recordação colada à fotografia,
o aroma de uma despedida que ficou para sempre inconfessada.
...

José Jorge Letria